Aquele momento que você descobre que não é o único